Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 26, 2015

Sério? Disciplina sobre corrupção deve fazer parte de grade em escolas do Acre

Decisão saiu na manhã desta quinta-feira (24) no Diário Oficial. Ideia é conscientizar os alunos sobre a corrupção, aponta publicação.
A partir de 2016, as escolas acreanas devem passar a oferecer mais uma disciplina aos estudantes."Política, politicagem e conscientização contra a corrupção", essa é a matéria que deve ser oferecida no currículo escolar de ensino fundamental e médio das escolas das redes pública e privada do estado.A lei, que determina a ação, foi sancionada pelo governador Tião Viana (PT-AC) e publicada no Diário Oficial desta quinta-feira (24), com validade a partir da mesma data.De acordo com a publicação, a ideia é fazer com que os alunos consigam desenvolver consciência política do que é a corrupção e suas consequências."O conteúdo programático a que se refere o caput deste artigo incluirá o estudo da história da política, os prejuízos com a politicagem e a formação da sociedade contemporânea perante a corrupção, para que os mesmos venham desenvolve…

Mulher mata marido com facada no pescoço durante festa de Natal, na capital da PB

Uma mulher foi presa após matar o próprio marido durante uma festa familiar de Natal no conjunto Nova Mangabeira, no bairro Valentina Figueiredo, nesta sexta-feira (25). As informações são da Delegacia de Homicídios da Capital, que informou que a detida golpeou o companheiro com uma facada no pescoço.
De acordo com a polícia, uma terceira pessoa teria motivado a discussão do casal que terminou com o assassinato. “Uma outra mulher se dirigiu à suspeita e disse que o marido dela estaria lhe oferecendo dinheiro”, afirmou a polícia.
Revoltada com a situação, a mulher se dirigiu ao local onde o homem estava e desferiu uma tapa no rosto dele, ato que foi retribuído da mesma forma por ele. Nesse momento, segundo polícia, ela pegou uma faca e o atingiu no pescoço. “Os envolvidos na ocorrência apresentavam embriaguez”, acrescentou.
O homem chegou a ser encaminhado para o Hospital Ortotrauma de Mangabeira, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu. A mulher o acompanhou até a unidade de saúde e co…

Walmart estuda fechar lojas na Paraíba e demais Estados do Nordeste

A Walmart estuda fechar 30 lojas no Brasil nas regiões Nordeste e Sul, em 2017, segundo informação divulgada pelo Jornal Valor Econômico. Só na Paraíba, o grupo mantém cerca de 20 estabelecimentos das redes Hiper Bompreço, Bompreço e Todo Dia, empregando milhares de paraibanos.De acordo com o jornal, a Walmart mantém 544 unidades varejistas no Brasil. Desse total, 5% estão localizadas no Nordeste e Sul do Brasil. Os donos dos imóveis onde ficam os pontos de venda que serão fechados, inclusive, já estariam buscando novos locatários.A empresa se manifestou por nota afirmando que “está constantemente revisando o seu portfólio e tomando decisões baseadas no que é melhor para o negócio e para os clientes.”A varejista já sinalizou que pode até mesmo deixar de operar em alguns países.Ainda conforme a reportagem do Valor, o Walmart avalia também alugar parte de seus terrenos próprios no Brasil a outras empresas para obter renda extra.No terceiro trimestre, as vendas líquidas da companhia caír…

Planalto manterá estratégia de pintar Cunha como ‘vilão’ do impeachment mesmo se ele cair

O Planalto e o PT pretendem continuar rivalizando sobre o impeachment com Eduardo Cunha, ainda que o peemedebista seja apeado da presidência da Câmara no ano que vem. Para auxiliares de Dilma Rousseff, ter transformado o deputado em vilão da narrativa vem dando resultado. A ideia é enfatizar que o pedido nasceu como fruto de um “pecado original” e que, contaminado desde o princípio, não tem legitimidade mesmo que Cunha já não esteja à frente do processo formalmente.A tropa de Cunha já prepara o discurso para que o vice-presidente da Câmara, Waldir Maranhão (PP-MA), puxe para si a decisão de anular ou não o processo do peemedebista no Conselho de Ética — em alternativa a deixar o recurso correr na Comissão de Constituição e Justiça.A ideia é argumentar que, antes da publicação do acórdão do Supremo sobre o formato da escolha do comando das comissões na Câmara, a CCJ não poderá deliberar sobre o tema. Assim, Maranhão teria legitimidade para decidir sozinho.O comando da CCJ em 2016, aliá…