Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março 11, 2017

Caminhada para 2018: Prefeito de João Pessoa, visita feira livre e toma café com populares no município Sapé/PB

O prefeito Luciano Cartaxo (PSD) está fazendo um verdadeiro périplo por alguns municípios paraibanos. Ontem (10), o prefeito foi  pelo prefeito de Cruz do Espíriro Santo, Pedro Gomes, Pedrito (PSD) e participou da festa de emancipação do município.Na manhã deste sábado (11), a convite do prefeito do ex-prefeito de Sapé, João da Utilar (PSDB), Luciano Cartaxo, acompanhado do irmão,  Lucélio e aliados no município, caminharam nas ruas da cidade, visitaram a feira livre e participou de um café da manhã na casa de correligionários. As informações são do jornalista Anderson Soares

Durante esta semana, REVISTA PÁGINAS alcançou MEIO MILHÃO de visualizações em suas publicações

Durante esta semana o Revista Páginas alcançou meio milhão de visualizações em suas publicações. O conglomerado de informações em sua página no Facebook  mostra os expressivos números atingidos. Com vídeos, artigos e noticiário o Revista Páginas adentra ao espaço da concorrida mídia online. Com embrião e raizes no estado da Paraíba e, essência de gente grande, com independência, Revista Páginas busca caminhos mais longo neste meio. O Revista Páginas não têm fins lucrativos!  Veja a página no Facebook

Na Paraíba, Temer recebe Título de Cidadão Campinense, e enxerga 2018 mais próximo de Lula

Revista Páginas -  O atual presidente já mais imaginária uma passagem tão desastrosa pela Paraíba. Criticado, acuado e com um discurso frágil para ocasião, Michel Temer e aliados foram sufocados nas terras de Ariano Suassuna, Augusto dos Anjos, Epitácio Pessoa e dos demais notáveis irmãos paraibanos.Leia também: Manifestantes “recepcionam” Temer em inauguração e presidente ironiza que “agora vão poder matar a sede” Mas em visita a Campina Grande, região da Borborema, foi o seu melhor momento na Paraíba. Sendo sua primeira vez na cidade, Temer  recebeu o título máximo de cidadão campinense, honraria proposta pelo vereador Márcio Melo (PSDC), com o argumento de que Temer está trabalhando por Campina Grande e pela Paraíba concluindo a obra de transposição do rio São Francisco. Lembrando que ao ser apresentada, a propositura, que não foi aprovada por unanimidade na Câmara, gerou polêmica e foi alvo de debates entre os parlamentares campinenses, já que alguns questionaram se havia motivos …

Homem mata a própria mãe por acreditar que ela fosse uma vampira

Um crime bizarro aconteceu nos Estados Unidos na última semana. Um jovem de 29 anos esfaqueou a própria mãe 20 vezes. Sem remorso em relação ao crime, Sheaen Smith, autor do crime, justifica sua atitude com uma alegação estranha: sua mãe era uma vampira. O crime aconteceu na cidade de Bellingham, Washington, na tarde do último domingo (5). O jornal local o "Bellingham Herald" notíciou o caso: Aurora Buol-Smith, 57 anos, assassinada pelo próprio filho. O corpo de Aurora estava no quarto de Sheaen, que além de ter confessado o crime também teria chamado as autoridades locais.Na delegacia, em seu depoimento, o jovem afirmou ser um lobisomem e por isso o assassinato de sua mãe era necessário, uma vez que, vampiros e lobisomens partilham há séculos de uma violenta rivalidade. Sheaen também entregou às autoridades a faca utilizada no crime.Nas redes sociais, o departamento de polícia de Bellingham alega que Smith teria feito mais declarações onde teria sugerido uma possível "…

Morre 3ª pessoa ferida durante protestos após impeachment na Coreia do Sul

A polícia da Coreia do Sul confirmou neste sábado (11) que uma terceira pessoa morreu por conta dos ferimentos que sofreu durante sua participação nos protestos de sexta-feira (10), em Seul, após a confirmação do impeachment da ex-presidente do país, Park Geun-hye.A terceira vítima, identificada como um homem de 74 anos, morreu em um hospital de Seul, após ter sido internado inconsciente, após participar de um confronto com a polícia durante uma manifestação.Outros dois homens, de 60 e 72 anos, morreram e dezenas ficaram feridos durante os protestos ocorridos depois que o Tribunal Constitucional confirmou a cassação da presidente Park aprovada pelo Parlamento devido a sua ligação com o caso de corrupção da "Rasputina".Após a leitura do veredicto começaram confrontos entre a polícia e os partidários da agora ex-presidente sul-coreana, na frente da sede do tribunal e nas proximidades da Avenida Sejong.G1